Promotoria investiga 4 suspeitas de fraude no sistema de cotas no Maranhão

As alunas teriam fraudado o sistema de cotas para ingressar no curso de medicina na  Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

Fato foi identificado no campus da Ufma na cidade de Pinheiro (Foto: Divulgação / Ufma)

O Ministério Público do Maranhão (MP-MA) investiga 4 alunas  que teriam fraudado o sistema de cotas para ingressar no curso de medicina na  Universidade Federal do Maranhão (UFMA), na cidade de Pinheiros (MA).

As alunas que tiveram suas matriculas cancelas apresentaram certificados de conclusão do ensino médio falsos. Segundo o MP,  Elas cursaram o período escolar em instituições particulares, mas apresentaram certificados referentes a escolas públicas para serem beneficiadas pelas cotas destinadas a estudantes de escolas da rede pública.

O MPF aproveitou a situação e recomendou mais rigor na emissão de certificados de conclusão do ensino médio à direção do IFMA e à Secretaria de Estado de Educação.

Sobre as possíveis penas às alunas, cada caso será avaliado de forma separado e, por isso, a denúncia do MPF deve variar de acordo com o caso.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here